https://jdih.sumbawakab.go.id/ https://perpus.pn-wates.go.id/ https://dpmptsp.tubaba.go.id/ikygacor/ https://piramida.cimahikota.go.id/storage/banner/ https://kpta.teknik.unpas.ac.id/icon/horas88/ https://pustaka.iainlangsa.ac.id/wp-content/kzgacor/ https://feb.budiluhur.ac.id/assets/sdemo/ https://salemba.budiluhur.ac.id/assets/sgacor/ https://disdukcapil.tubaba.go.id/template/kygacor/ slot depo 10k https://kki.unpad.ac.id/assets/images/ https://e-smile.tubaba.go.id/assets/ http://register.stipjakarta.ac.id/alumni/ http://kepegawaian.akbidyo.ac.id/hgacor/
8435
Como o DPC permite que a sua empresa esteja compliance com a LGPD?

Como funciona a segurança de dados em sua empresa? É importante pensar nisso, já que as sanções previstas na Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) entraram em vigor em 1º de agosto de 2021. Desde então, a organizações que não estão em conformidade com a lei estão sujeitas a punições, como o pagamento de multas.

Pensando em ajudar sua corporação a se adaptar à lei, a Kyros desenvolveu o Data Privacy Compliance. Veja, neste artigo, quais são os benefícios de implementar essa estratégia em seu negócio. 

O que é o Data Privacy Compliance? 

O Data Privacy Compliance (DPC)  é uma solução que visa ajudar a sua empresa a ficar alinhada com as regras da LGPD quanto ao uso de informações pessoais e armazenamento de dados. 

Com a utilização do DPC, é possível garantir o controle adequado do acesso às bases de dados dos seus clientes, facilitando o acompanhamento sobre qualquer pesquisa ou alteração de status. Dessa forma, a organização consegue identificar:

  • O responsável pela consulta;
  • As informações acessadas;
  • O momento do acontecimento. 

Assim, é menos provável que o negócio seja vítima de ações de terceiros que vão contra as normas da LGPD, já que em casos de vazamento ou uso indevido de dados pessoais, a corporação é capaz de garantir que os culpados pela atividade sejam reconhecidos. 

No entanto, existem outras funções do DPC úteis para ajudar a sua empresa a ficar em conformidade com a Lei Geral de Proteção de Dados. Confira!

Como o DPC ajuda sua empresa a ficar em compliance com a LGPD?

De acordo com as regras da LGPD, a organização é responsável pela segurança dos dados que estão sob os seus cuidados. Caso uma empresa não cumpra adequadamente as normas da Lei de Proteção de Dados, está sujeita a sanções que vão desde advertências até multas de R$50 milhões

Sendo assim, é fundamental pensar em estratégias que garantam a proteção dessas informações a fim de garantir que o seu empreendimento não sofra punições que podem causar grande prejuízo financeiro. 

Se você ainda conhece todos os detalhes sobre como a Lei Geral de Proteção de Dados impacta diretamente a sua corporação, então, confira este conteúdo: 5 motivos para implementar a LGPD no seu negócio e saiba mais sobre as penalizações previstas na legislação.  

Nesse sentido, o Data Privacy Compliance traz inúmeros benefícios para a organização que deseja ficar livre do pagamento de multas em razão do não cumprimento das exigências da lei. 

Veja 3 exemplos que demonstram como o DPC pode auxiliar o seu negócio. 

1- Consentimento do titular

A LGPD estipula que para uma organização ter o direito de manipular os dados é preciso que o titular, ou seja, a pessoa a quem pertencem as informações, conceda permissão para isso. 

Além disso, a Lei determina que o indivíduo pode solicitar o bloqueio ou exclusão de seus dados. O texto do artigo 5º diz: 

“XIII – bloqueio: suspensão temporária de qualquer operação de tratamento, mediante guarda do dado pessoal ou do banco de dados;

XIV – eliminação: exclusão de dado ou de conjunto de dados armazenados em banco de dados, independentemente do procedimento empregado;”

Em vista disso, é essencial que o empreendimento crie estratégias que facilitem a autorização do uso de informações e que, ao mesmo tempo, possibilitem a revogação dessa decisão, caso o titular deseje fazer isso. 

Pensando nisso, uma das vantagens do DPC é que a solução possui um “Portal de Consentimento”. Dessa forma, a empresa consegue administrar mais facilmente a utilização de dados, agilizando os processos tanto para o titular autorizar como para cancelar. 

O serviço permite a centralização de informações. Assim, caso seja necessário fazer a exclusão, o procedimento é executado em poucos instantes e sem o risco de ficarem dados pendentes por não terem sido localizados durante a remoção.

2- Dados anonimizados

Outra possibilidade que a LGPD traz para as empresas é o uso de dados anonimizados. O artigo 5 º define isso da seguinte forma:

“XI – anonimização: utilização de meios técnicos razoáveis e disponíveis no momento do tratamento, por meio dos quais um dado perde a possibilidade de associação, direta ou indireta, a um indivíduo;”

Em outras palavras, são informações que passaram por processos que tornam inviável o reconhecimento da origem e a identificação do titular.

Para ajudar a cumprir a lei, o DPC disponibiliza o “Gerador de Bases de Dados Anonimizados”, que opera de acordo com os critérios estabelecidos pelo DPO (Data Protection Officer), profissional responsável por criar estratégias de segurança de dados.

3- Proteção de dados 

Já que a empresa deve criar meios para garantir a proteção de dados é importante pensar em como fazer isso de uma forma que seja compatível com o modelo da  infraestrutura do negócio. Nesse sentido, muitas empresas trabalham com sistemas legados, o que significa que estão ficando antigos em vários sentidos.

Com o uso da solução DPC, existe a possibilidade de atualizar a segurança dos dados utilizados nesses sistemas por meio do uso de APIs (Interface de Programação de Aplicativos). Assim, o acesso às informações é monitorado e restringido, quando necessário. 

Portanto, com a implementação do Data Privacy Compliance a sua organização consegue ficar em conformidade com a LGPD e evitar as suas sanções, aproveitando os próprios recursos tecnológicos já implantados no negócio. 

Em conclusão, a LGPD já é uma realidade e todas as empresas que não estão em conformidade com as suas regras estão sujeitas a sofrer sanções, que podem incluir o pagamento de quantias de alto valor. Por isso, é essencial buscar estratégias que assegurem a segurança de dados em sua corporação. 

Nesse sentido, o DPC é uma excelente opção, já que permite o controle e acompanhamento de acesso a informações, além de facilitar autorizações ou cancelamento de consentimento, anonimização de dados e aumento do nível de proteção de dados em sistemas legados. 

 Quer garantir que sua empresa fique em compliance com a LGPD e livre de multas? Então, conheça o DPC (Data Privacy Compliance), solução focada em segurança e governança de dados para otimizar a proteção de dados na sua empresa!



Postado por Kyros Tecnologia em 27 janeiro, 2022

[wpusb]

Leia Também

Comentários

[fb_plugin comments]